Controle Y



Jude, o tira-zica

judeExiste um equilíbrio natural da vida: algumas pessoas transam muito e outras quase nada. Mas tudo isso é organizado e distribuído por alguns seres místicos. Permita-me ser mais claro, caro leitor… Você já deve ter ficado um longo período na seca após transar com alguém. Além de absorver (magicamente, só pode ser) todo o seu magnetismo, esse ser o transfere para outra pessoa – esta terceira pessoa, tornará-se transante, enquanto você não dará mais um match que presta no Tinder.

 

Embora seja muito bom cruzar com estes seres, aviso de antemão, que não é uma terefa fácil, caro leitor! Apesar de ser mais velho, Jude tinha um corpo melhor que o meu, 15 anos mais novo. O que contribuiu para nosso date (além de eu estar precisado, claro!) Agora, por favor, engula o máximo de saliva possível e em seguida estale a língua no céu da boca, caro leitor. Além de fazer esse mesmo barulho o tempo todo, Jude tinha uma respiração extremamente alta e um sorriso com aspecto de dentadura, sabe? Percebi isso em seu carro, a caminho do Hotel – um pouco tarde demais – a não ser que eu não tivesse medo de pular de um carro em movimento numa via expressa. Considerei!

 

Chegamos no hotel e Jude me falou que tinha baixado um aplicativo para usar comigo (medo!). Deitamos na cama e ele mostrou uma espécie de verdade ou desafio sexual, onde o app sorteava as verdades e os desafios. A primeira verdade que ele tirou, foi falar como ele gosta de fazer sexo oral. Eu só queria estar morto enquanto Jude se empenhava em descrever detalhadamente (demais!) um tutorial de como chupar uma rola olhando dentro dos meus olhos e falando num tom sério e supostamente sexual. Afim de acabar com aquele passo-a-passo, apertei o meu desafio, que foi o de fazer um strip (merda!).

Jude estava levando o jogo a sério, visto que imediatamente ele colocou uma música para que eu dançasse, Shakira, Whenever Wherever… Já estava lá e fiz a dança mais ridícula da minha vida e fiquei só de cueca. Neste momento, Jude sacou o notebook e começou a ver uns filmes pornôs simultaneamente. Qual a necessidade disso! – pensei.

 

 

Em seguida, ele saca da mochila um lubrificante que tinha um cheiro de talco de criança! Era de bebê aquilo, não é possível. Fiquei totalmente brochado. Enfim, algumas rodadas depois e finalmente ~transamos~. Jude só gostava de chupar e não tinha comprado camisinha (ufa). No final, gozei nele e ele estava demorando muito. Algum tempo depois, ele disse que não conseguiria, que precisasse que eu o estimulasse com meus pés. NOT MY PROBLEM, JUDE – e fui tomar banho. Estava cansado de acumular aquelas humilhas todas.

 

Chegando no meu hotel, notificações do Hornet e Tinder começaram a saltar. Enfim, voltei a ser transante! Visto que na semana passada, saí com cinco caras. Valeu, Jude e para de me ligar no whatsapp seu perturbado.

P.S.:. Foi o primeiro sexo sem beijo na boca da minha vida!

P.S.2:. Têm pessoas que te amaldiçoam fazendo com que você só pegue pau fino ou que nunca haja camisinha por perto. Jude foi legal comigo!

P.S.3:. Jude tinha um cabelo lindo. Pique Roberto Carlos na jovem guarda.